Balança comercial tem superávit histórico e bate recorde para as exportações do brasil

Balança comercial tem superávit histórico e bate recorde para as exportações do brasil

Segundo os dados divulgados pela Secretaria de Comércio Exterior, durante o passado mês de julho o Brasil exportou US$ 8,06 bilhões a mais do que importou batendo o recorde de superávit desde o início da série histórica em 1989.

 

No total foram exportados US$ 19,6 bilhões neste mês de julho e foram importados US $ 11,5 bilhões.

 

Apesar de que esse valor exportado é menor do que o valor do ano 2019 no mesmo período, por causa da desvalorização do real frente ao dólar, o volume de produtos vendidos pelo país em julho  cresceu em relação ao mesmo período do ano passado, especialmente no setor de agropecuária, cujo aumento foi de 21,1%. 

 

A situação de pandemia que infelizmente está negativamente afetando o bem-estar e a economia globais tem também como consequência um aumento na demanda global de produtos de alimentação. O Brasil tem uma grande capacidade produtora e exportadora de commodities e produção agropecuária que tem tido se beneficiada pelo aumento da demanda e da desvalorização do Real Brasileiro frente ao Euro e ao Dólar Americano. O produto Brasileiro está concorrendo eficazmente nos mercado exteriores.

 

Um dos motores desse desempenho, segundo os dados da balança, é a venda de soja, cujo valor cresceu 35,2% nos sete primeiros meses deste ano, na comparação com o mesmo período do ano passado. O volume exportado foi ainda maior: 38,2% de aumento na mesma comparação.

 

Outro motor tem sido sem dúvida o setor de carne bovina. Com as exportações totais de carne bovina (in natura e processada) se aproximando pela primeira vez na história das 200 mil toneladas em único mês, o Brasil continua batendo todos os recordes de vendas ao exterior do produto.

 

Os números foram divulgados pela Associação Brasileira de Frigoríficos (Abrafrigo), com base em dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), do Ministério da Economia. No mês passado, os embarques de carne bovina in natura e processada totalizaram mais de 194.000 t, o que representou US$ 776,3 milhões, crescimento de 17% em volume e de 22% em receita.

 

Em um contexto em que o mercado interior apresenta maiores dificuldades, a saída no exterior hoje se revela como uma alternativa estimulante para o Brasil e uma oportunidade para poder encarar com sucesso essa situação de crise. Desde a How2Go Brasil podemos ajudar as nossas empresas nesta empreitada, para mais informação podem entrar em contato no correio how2go@h2gconsulting.com

 

Artigo escrito por Miquel Pardina

No Comments

Leave a Comment:

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.